Futuro das Cidades - Instituto Vedacit

Creche em Florianópolis é a primeira do mundo com selo máximo de arquitetura sustentável

Artigo do arquiteto e urbanista Romullo Baratto, publicada no site Archdaily, apresenta a história da construção de um edifício público que recebeu certificação sustentável. A Creche Hassis, em Florianópolis, projetada pela arquiteta Rachel Braga, uma edificação de 1.182 m², “é a primeira deste tipo no mundo e o primeiro edifício público no Brasil a receber classificação Leadership in Energy and Environmental Design (LEED) – em português, Liderança em Energia e Design Ambiental – em nível máximo: Platinum”.

Segundo o site, a creche pública municipal, localizada na Costeira do Pirajubaé, próximo à Universidade Federal de Santa Catarina, não foi originalmente concebida visando a certificação LEED. “Análises de eficiência e sustentabilidade realizadas durante a etapa de projeto mostraram, no entanto, que o selo não era uma realidade muito distante. Alterações foram, então, realizadas pela equipe de projeto para garantir que os altos índices exigidos pelo LEED fossem alcançados”, diz a matéria.

O autor do texto explica que “além de contar com sistemas de geração de energia fotovoltaica e aquecimento solar, outros aspectos de sustentabilidade receberam atenção no projeto. Toda a edificação foi construída com materiais recicláveis, desde o concreto das fundações aos elementos de aço da estrutura. A madeira usada no sombreamento das varandas é, por sua vez, certificada com selo FSC (Forest Stewarship Council) e proveniente de manejo florestal responsável.”

A matéria explica que a “Creche Hassis atende hoje 265 crianças entre quatro meses e seis anos de idade e tem seu programa pedagógico pautado por questões ambientais e de sustentabilidade. ‘Quando a gente consegue ofertar uma educação de qualidade com valores distintos – principalmente para crianças muitas vezes em situação de vulnerabilidade –, eu consigo olhar para frente e deslumbrar uma sociedade mais humanizada. Essa criança vai poder fazer escolhas mais conscientes. Nós trazemos um mundo possível sem plástico e com menos tecnologia. Porque é ali naquele espaço que ela vai se desenvolver como indivíduo e como coletivo’, comenta Carla Cristina Britto, diretora da unidade”.

Leia mais: https://www.archdaily.com.br/br/927009/creche-em-florianopolis-e-a-primeira-do-mundo-com-selo-maximo-de-arquitetura-sustentavel